Quarta-Feira, 19 de Setembro -

  •  

    Obra do novo Paço Municipal avança e atinge 20% do total previsto

    As obras do novo Paço Municipal e Câmara de Osasco, no bairro Bonfim, já atingiram 20% do total previsto. A informação foi passada ao prefeito Rogério Lins por representantes da empresa responsável pelo empreendimento durante visita do chefe do Executivo ao local na quinta-feira, 30/8, juntamente com secretários municipais e vereadores da bancada de sustentação do governo no Legislativo.

    Segundo projeções da construtora Método Potencial Engenharia, a obra deve ser concluída entre junho e julho de 2020. Já foram erguidos cinco andares de um total de 21 – os dois últimos destinados à chamada “casa de máquinas”, para acomodação de equipamentos. A área construída tem 40 mil m².

    Rogério Lins mostrou-se otimista em relação ao andamento da obra. “Já existe todo um planejamento financeiro, então acredito que é possível entregar no prazo previsto. Teremos aqui um empreendimento moderno e com acessibilidade para melhor atender a população na prefeitura e na Câmara.”

    Cerca de 50 pessoas, entre operários e pessoal da área administrativa atuam no local, ainda de acordo com informações dos responsáveis pela obra.

    O prédio é construído ao lado da estação de trem da CPTM, na Avenida Fuad Auada, importante via da cidade que liga a rodovia Castello Branco ao centro e, no sentido oposto, permite o acesso às marginais Tietê e Pinheiros.

    A obra trará inúmeros benefícios aos munícipes, como acessibilidade e uma grande praça de atendimento que concentrará todos os serviços municipais prestados à população.

    Os 19 andares administrativos abrigarão o gabinete do prefeito, secretarias e restaurante do servidor. Três pavimentos abrigarão a Câmara Municipal, com gabinetes, plenário com 180 lugares para o público e instalações para oferecer suporte ao trabalho dos vereadores, como almoxarifado e salas de reunião.

    O prédio contará ainda com um amplo auditório, teatro com capacidade para cerca de 700 pessoas, dois subsolos com 500 vagas de estacionamento e uma ampla praça por onde o público poderá acessar a estação de trem.

    A obra integra o projeto de revitalização da região central e do bairro Bonfim, por meio da Operação Urbana Consorciada Tietê II. No entorno do novo Paço Municipal estão previstos novos empreendimentos, como um shopping center e um hospital particular.