Sábado, 24 de Junho -

  • Itapevi inicia 1ª Divisão do Campeonato Municipal 2017

  • A 1ª Divisão Campeonato Municipal de Futebol de Itapevi começou, no domingo, com as partidas disputadas no estádio André Nunes Júnior, na Vila Nova Itapevi. Ao todo, participam da competição 16 equipes, divididas em duas chaves. O campeonato terá duração de quatro meses, e a final está prevista para o dia 8 de outubro, às 10h, no Estádio Municipal. O torneio é organizado pela Liga Itapeviense de Futebol (LIF) com apoio da Prefeitura.

    As equipes da 1ª Divisão jogam sempre aos domingos, das 10h às 17h. No grupo A estão: Rainha, Bahia do Marina, Portela, Primos, Milan, Caveira, Unidos do Ambuitá e Furação. Já no Grupo B estão: Boca Júnior, Colina Bem Bolado, Vila Gióia, Cardoso, Vila Nova, Vasco, Real Rosemary e Juventude.

    Neste domingo, 18/06, a partir das 10h, duelam Boca Júnior e Colina Bem Bolado; Vila Gióia e Cardoso; Vila Nova e Vasco; e Real Rosemary e Juventude.

    Durante a competição, os times disputam contra todas as equipes do mesmo grupo. Os quatro melhores de cada grupo jogam as etapas de quartas-de-finais contra as outras quatro equipes do outro grupo. As quartas-de-finais serão disputadas no dia 24 de setembro, das 10h às 17h, no estádio Vila Nova Itapevi. As semifinais da competição serão jogadas no dia 1º de outubro, às 11h e às 13h.

    O Campeonato Municipal de Itapevi começou a ser realizado em 1988. O campeão e vice-campeão do campeonato são premiados com troféu e medalhas. A Prefeitura é responsável pela disponibilização da arbitragem e pela manutenção da estrutura física do estádio, como qualidade do campo, arquibancadas, alambrado e a iluminação.

    Na competição, são rebaixados os quatro piores times e têm acesso os quatro melhores da 2ª Divisão. Em 2016, a 1ª Divisão teve o Rainha como campeão e o Boca Júnior como vice, os dois cabeças de chave de grupos em 2017.

    Segundo o secretário de Esportes, Lazer e Juventude de Itapevi, Cláudio Dutra, a iniciativa visa contribuir para o bem-estar esportivo. “O futebol é um dos esportes mais populares. A Prefeitura apoia porque vê como uma modalidade representativa e que agrega atletas embora amadores com nível técnico semelhante ao profissional do país”, destacou.