Terça-Feira, 19 de Junho -

  •  

    Como combater a insônia com acupuntura

    insônia tem sido a segunda maior demanda por tratamento médico na atualidade. Seguindo a dor, principal queixa nos consultórios médicos, traz sofrimento a um número crescente de pessoas além de ser fonte de inúmeros problemas físicos e psicológicos.

    Num contexto mais amplo a insônia pode ser definida como distúrbio de sono, tendo várias causas e formas de manifestação. De forma geral, podemos dividir em dois grandes grupos:

    • as insônias pontuais, por curto período de tempo, relacionadas a um evento desencadeante de estresse. Nesse caso, resolvida a situação desencadeante a pessoa volta a dormir de modo regular.
    • as insônias mais duradouras, quando o distúrbio do sono ultrapassa uma semana. Nestas, encontramos várias causas que afetam a qualidade do sono, como desequilíbrio emocional, causado por preocupação, raiva, ansiedade ou stress
    • excesso de trabalho, tanto físico quanto intelectual
    • erros alimentares, comer em excesso, principalmente no jantar
    • ou mesmo doenças crônicas que conduzem a uma debilidade física e psíquica.

    Na Medicina Chinesa, a insônia é compreendida como uma alteração no equilíbrio funcional do organismo, do Sistema Nervoso Autonômo Simpático/Parassimpático, que em chinês podemos definir como um desequilíbrio Yin/Yang, afetando o psiquismo.

    Quando nossa mente está calma e bem nutrida, prevalece o Yin, essencial para o repouso. Quando estamos com a mente agitada, prevalece o Yang, fundamental para as atividades diárias mas inadequado para o repouso e o sono.

    A acupuntura no combate à insônia

    O tratamento da insônia pela acupuntura consiste em equilibrar o Yin/Yang, “acalmando” a mente para que o sono possa ser reparador. Isso acontece depois de elaborado um diagnóstico adequado pelo médico, tanto do ponto de vista da Medicina Contemporânea quanto do da Medicina Chinesa.

    Além das sessões de Acupuntura, é importante o aconselhamento médico para que o paciente adeque seu modo de vida que está desencadeando o desequilíbrio, e a consequente perturbação do sono. Vale reforçar também as regras básicas de atitudes diárias para afastar a insônia:

    • evitar discussões ou reflexões antes de deitar
    • não exagerar na alimentação do jantar
    • evitar bebidas alcoólicas, chá preto ou café forte e cigarro, pois essas substâncias tendem a estimular o Yang, agitando o psiquismo – mente – e, assim, favorecendo a insônia.

    Na Medicina Chinesa busca-se a causa geradora do sintoma e esse é o alvo do tratamento. É importante que o médico tenha um conhecimento tanto da fisiologia e psicologia do sono como de sua patologia e psicopatologia. Com um diagnóstico adequado e um tratamento bem dirigido, os distúrbios de sono, incluindo os vários tipos de insônia, podem ser resolvidos de modo definitivo.