Terça-Feira, 11 de Dezembro -

  • Biblioférias recebe 2 mil crianças e faz sucesso entre os pais

  • Cerca de 2 mil crianças entre 4 e 10 anos de idade viveram uma experiência inesquecível nestas férias. Elas participaram do Biblioférias, que começou na segunda-feira (dia 16) e seguiu até sexta (dia 20), com brincadeiras e atividades lúdicas.

    O Biblioférias é um programa da Secretaria de Cultura e Turismo que atende crianças em idade escolar em período de férias. O programa acontece nas oito bibliotecas municipais e foi considerado um sucesso pelos pais e pelas próprias crianças participantes.

    Na última sexta, as crianças visitaram a Arena Barueri como parte da programação. Todas foram até o gramado, sentaram no banco dos jogadores, visitaram o vestiário que estava sendo preparado para o treino do Oeste Futebol Clube, o que as deixou ainda mais encantadas com o momento. Eloisa Oliveira de Vieira, de 8 anos, moradora do Jardim Paulista, disse ter adorado a experiência. “Eu nunca achei que viria num estádio e sentaria no mesmo banco dos jogadores, estou muito orgulhosa de estar aqui.”

    No final da visita todas foram ao auditório onde o diretor da Arena Barueri, Antônio José Geraldes, ressaltou que muitas personalidades do mundo esportivo já passaram por lá, como o piloto de Fórmula 1 Felipe Massa e os jogadores de futebol Ronaldo “Fenômeno”, Neymar e Cafu. “A gente fica muito satisfeito de receber essas crianças! É uma atividade nova e vamos repetir outras vezes.”

    As atividades nas bibliotecas também fizeram sucesso. Na Benedito Franco, no Jardim Paulista, Elaci Nascimento de Sousa, avó de João Vitor Sousa Jeremias, de 8 anos, e bisavó de Vinicius Miguel Sousa Jeremias, de 7 anos, disse que era a primeira vez que os meninos participavam do Biblioférias. “Eles adoraram. Acho muito importante para aqueles que não têm condições de viajar neste período de férias”, destacou.

    Na Jair Honório, no Parque Viana, Roberto Jorge da Silva, pai dos gêmeos Dante Souza da Silva e Roberta Souza da Silva, de 4 anos, se disse encantando com a experiência. “Moro em Barueri há três anos e nunca vi um programa desses em outra cidade”, afirmou.