Quarta-Feira, 17 de Outubro -

  •  

    Abertas as inscrições para o 1º Festival de Teatro Amador e Cenas Curtas de Barueri 

     

    Chegou a vez da arte teatral e estão abertas, até o dia 15 de outubro, as inscrições para o 1º Festival de Teatro Amador e Cenas Curtas de Barueri. A premiação soma R$ 13 mil.

     

    O Festival, coordenado pela Secretaria de Cultura e Turismo, selecionará 20 trabalhos de curtas de teatro, 10 na categoria adulto e 10 na infantil, e serão apresentados de 26 a 28 de outubro, no Centro Comunitário do Jardim Paraíso.

     

    O objetivo é promover o intercâmbio entre os grupos teatrais dos municípios do Estado de São Paulo, em incentivo às manifestações culturais do país. “Em Barueri valorizamos todas as artes através também de festivais, como já fizemos o da música, dança, artes plásticas e agora o teatro. O teatro envolve todas as artes e o nosso objetivo é valorizar e incentivar cada vez mais os artistas”, ressaltou Jean Gaspar, secretário de Cultura e Turismo.

     

    A ficha de inscrição, a autorização de uso de imagem e o edital completo do Festival de Teatro estão disponíveis no link http://portal.barueri.sp.gov.br/secretarias/secretaria-cultura-turismo/festivaldeteatro-amador-cenascurtas.

     

    A ficha de inscrição e a autorização do uso de imagem deverão ser preenchidas e enviadas, via Correios ou entregue junto com os outros materiais, dentro do prazo limite das inscrições, para o endereço: avenida 26 de Março, 173, Centro de Barueri, CEP: 06401-050.

     

    Mais informações na Secretaria de Cultura pelo telefone 4199-1600.

     

    Categoria Adulto:

    Melhor peça: R$ 3.500

    Melhor direção: R$ 2.000

    Melhor ator/atriz: R$ 1.000

     

    Categoria Infantil

    Melhor peça: R$ 3.500

    Melhor direção: R$ 2.000

    Melhor atriz/ator: R$ 1.000

     

    Teatro

    Acredita-se que a ideia de teatro tal como conhecemos hoje surgiu na Grécia Antiga, no século IV a.C. O termo grego “theatron” significa “lugar para ver”. No theatroneram realizadas cerimônias religiosas em honra a Dionísio, o deus grego do vinho. Na celebração da colheita de uvas (vindima) havia música, dança e apresentações do ditirambo.